Segunda-feira, 30 de Julho de 2007

Todos temos...

... as nossas paranoias. Umas são compatíveis, toleráveis e outras até são fáceis de esconder.

Eu e tu, vivemos momentos tão intensos e importantes juntos que, há coisas que nunca seremos capazes de esconder um do outro. Mas talvez ainda não saibamos lidar com essas paranoias. Eu com as minhas, tu com as tuas, tu com as minhas e eu com as tuas. Então chocamos. Quando é bom... é mesmo bom. Quando é mau... é mesmo mau. Mas o problema não é só teu nem só meu. Somos humanos, eu mulher, tu homem, amigos, amantes... sempre com sentimentos à mistura. Existir o mau só confirma que existe o bom. Os momentos de felicidade só existem porque existem os de infelicidade. E todos já vivemos coisas más e já tivemos momentos de infelicidade e se, incoscientemente, fazemos mal às pessoas de quem gostamos, é porque ainda há que aprender à apagar essar merdas da vida para se voltar a amar e a dar coisas boas. Quero acreditar em mim. Quero alguém que acredite em mim e nela própria. Que acredite nessa luta pelo mau da vida e a procura do amor.

publicado por penso_logo_existo às 11:43
link | comentar | favorito
1 comentário:
De Pinguim Alegre a 30 de Julho de 2007 às 18:21
Olá!
Venho aqui agradecer-te o comentário. Espero que aparecas mais vezes, vou adicionar-te no meu mar de pesca para que possa ver ler os teus textos.

Uma braçada amiga

Comentar post

eu

encontrar neste blog

 

Janeiro 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

pensamentos recentes

Há quem diga...

Prioridades

Infelizmente...

Queria eu...

Tentei...

E só eu sei....

A sério para mim...

E agora?

Porque será...

Estou cansada!

pensamentos arquivados

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

links

blogs SAPO

subscrever feeds